sábado, 9 de maio de 2009

Análise da obra "Saudade" de Almeida Junior.

Existe uma luz em perpendicular que entra pelo primeiro quadrante passa pelo chapéu, brincos, boca, lágrima, documento, livro e termina no baú entreaberto que conduz nosso olhar na obra.
A postura da mulher voltada para dentro indica introspecção ignorando o universo externo.

As cores da casa, do local se harmonizam com os tons de pele da mulher mostrando que ela pertence a este local.

Esta obra de Almeida Júnior tem a estrutura padrão do século XIX porém ele transgride quando mostra o sofrimento e os sentimentos de uma mulher simples. Nesta época as emoções não eram retratadas e ele valoriza os sentimentos de uma classe social que não pertence à elite.

Na estética das pinturas do Sec XIX, o campo visual era dividido em duas partes: uma superior e outra inferior, que se subdividem em direita e esquerda, compondo quatro quadrantes, sendo os superiores representantes do discurso sagrado (maior valor) e os inferiores do discurso do profano (menor valor) lidos segundo a ordem decrescente de gradação de valor, da esquerda para a direita, de cima para baixo.

Primeiro quadrante: Luz perpendicular fria, cores frias,imagem de chapéu masculino representando a superioridade masculina e a presença de uma ausência.
Segundo quadrante: Imagem de uma mulher apoiada na janela, posição do corpo torcida dando a idéia de fragilidade. Existem indícios de aliança no dedo médio da mão esquerda, a mulher veste roupas e bijuterias na cor preta sendo um símbolo de tristeza ou viuvez. Demonstra uma abatimento na face com lágrima no olhar, cabelo desalinhado, dando a idéia de que se esqueceu dela mesma, idéia de desespero com a boca coberta parece conter um sentimento sufocado. Carta ou documento na mão remetendo a lembranças.
Terceiro quadrante: Roupa e casa simples indica uma mulher comum.
Quarto quadrante: O baú entreaberto parece guardar roupas dando a idéia de algo não concluído. Livro sobre o baú coberto por um xale branco, o símbolo livro indica o poder de leitura do universo masculino.
Autoria: Derany, Grace e Neylimarcia.

3 comentários:

  1. Respostas
    1. De fato uma pintura belíssima.A leitura da obra ficou perfeita,todos os detalhes foram descritos de maneira excepcionalmente clara.Estão de parabéns.

      Excluir
  2. Gostaria de saber se essa pintura ''representa'' o naturalismo ou o realismo?

    ResponderExcluir